Escapulários imperecíveis

Escapulários imperecíveis


Santo Alfonso de Liguori faleceu em 1787, tendo ao peito o escapulário do Monte Carmelo. Durante o processo de beatificação, sua tumba foi aberta. O corpo do santo Bispo encontrava-se reduzido a pó, assim como as vestes. Somente o escapulário estava perfeitamente intacto! Esta preciosa relíquia está exposta no Mosteiro de Santo Alfonso, em Roma.

Um século depois, quando as relíquias de São João Bosco foram examinadas, o mesmo fenômeno de conservação milagrosa do Escapulário foi constatado.

           

Abade São José de Claraval,
O Escapulário de Nossa Senhora do Monte Carmelo
www.clairval.com/editions.fr.html

Comentários

Este sinal pode nos revelar muita coisa. Percebo que há entre os católicos uma certa perda de identidade em relação a devoções, como no caso do uso do escapulário. Precisamos retomar essas devoções, pois elas fazem parte da nossa identidade e são provas materiais da nossa fé!
Clécia